Foto: Fabio Motta/Estadão
Foto: Fabio Motta/Estadão

Phil Collins processa ex-mulher por invadir casa de US$ 40 milhões em Miami

Segundo o cantor, a ex-mulher e o atual marido teriam contratado seguranças armados para impedir a entrada no músico na propriedade

EFE, O Estado de S.Paulo

20 de outubro de 2020 | 08h36

O cantor e compositor britânico Phil Collins processou sua ex-mulher e o atual marido dela por terem invadido sua casa em Miami Beach, avaliada em US$ 40 milhões, e contratado seguranças armados para impedir a entrada no músico em sua propriedade.

Os documentos legais do processo, aos quais à Agência Efe teve acesso nesta segunda-feira, foram apresentados ao tribunal do condado de Miami-Dade no último dia 14.

No texto entregue à Justiça, Collins afirma que sua ex-esposa Orianne Cevey Collins Mejjati Bates e o marido dela, Thomas Bates, "se recusaram a sair" da casa, que pertence ao artista.

O músico também teme que o casal, ou os seguranças contratados por eles, "removam, ocultem ou destruam" objetos de valor e outros itens seus que se encontram no imóvel.

Os advogados do cantor, que se referem aos Bates como "invasores", anexaram ao processo uma carta na qual detalham que Orianne estava chantageando Collins.

Segundo eles, a suíça, de 46 anos de idade, ameaçava divulgar documentos e declarações que prejudicariam a imagem de Collins, a menos que ele lhe desse uma grande quantia em dinheiro.

Collins, de 69 anos, comprou a casa em Miami Beach em 2015 e, de acordo com documentos públicos da transação, o imóvel tem sete quartos e mais de 1.100 metros quadrados, e está construído em um terreno de cerca de 5 mil metros quadrados, em uma das áreas mais caras da região.

A propriedade, que conta com um cais particular, uma piscina e um lago de carpas, foi construída em 1920 e reformada pela artista e empresária Jennifer López em 2005. Phill Collins e Orienne se casaram em 1999 e tiveram dois filhos, Nicholas e Matthew, que atualmente tem 19 e 15 anos, respectivamente.

O casal se separou em 2008, quando assinaram um acordo de divórcio, no qual Collins pagou quase US$ 48 milhões a Orienne.

Em 2016, os dois decidiram retomar o relacionamento e até novembro do ano passado eram vistos juntos frequentemente em tapetes vermelhos e outros eventos sociais.

No entanto, em agosto deste ano, Orianna se casou com o empresário e músico Tom Bates, de 31 anos, em uma cerimônia em Las Vegas, oficializada por um imitador de Elvis Presley.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.