Pavilhão 9 faz mostra "Reação" em show único

Talvez o principal nome brasileiro da fusão rap-hardcore, o grupo Pavilhão 9 e seu líder Rhossi retornam hoje à cidade para um show único no Directv Music Hall. Em excursão pelo País com a turnê de seu quinto álbum, Reação - lançado no início do ano -, a banda pode contar com alguns convidados especiais, como o rapper Xis, que participou da gravação do disco.O show terá músicas do novo CD, como 190 Há! Há!, Trilha do Futuro e Levante a Kbça, versão do grupo para Get Up, Stand Up, de Bob Marley. Xis poderá aparecer para dividir os vocais com Rhossi e Doze na música Poderoso Chefão. Não vão faltar também as já manjadas Otários Fardados, Mandando Bronca, Apaga o Baseado e Vietnã do Brasil. Além dos vocalistas, o Pavilhão hoje conta com Ortega na guitarra e Marinho, no baixo."Acho que agora as coisas estão mais transparentes", diz o MC e vocalista Rhossi. Desde o show no Rock´n´Rio 3, ele se apresenta sem a máscara que durante quase dez anos escondia sua identidade. Hoje, ele ostenta vasta cabeleira black power. "Neguinho tinha a vontade de me conhecer e, como a gente diz coisas de contexto forte, dá mais credibilidade aparecer."Puristas - Criado em 1990 como um grupo de rap da Zona Sul de São Paulo, o Pavilhão sempre conseguiu incomodar. Seja a polícia, que segundo Rhossi o ameaçou de morte por causa da música Otários Fardados, de seu primeiro disco (por isso ele não mostrava o rosto), sejam as hostes de rappers e roqueiros, que torceram o nariz quando ele decidiu colocar guitarras pesadas no álbum Cadeia Nacional, de 97, e virar um banda.Houve também quem os criticasse por assinar um contrato com uma grande gravadora, a Warner. Hoje, ainda que puristas dos dois gêneros musicais relutem em admitir, o Pavilhão conquistou seu espaço. Os fãs de grupos como Korn, Limp Biskit ou Rage Against the Machine reconhecem na banda a mesma pegada metal. "Não vejo problema em me aliar a uma multinacional. Não mudamos nosso som", afirma Rhossi.Pavilhão 9 - Directv Music Hall (Av. dos Jamaris, 213, tel.: 5643-2500). Hoje, às 22 h. R$ 20 a R$ 40.Pavilhão 9 leva ´Reação´ a Moema

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.