Tarita de Sousa
Tarita de Sousa

Paulo Bellinati e Marco Pereira levam o belo 'Xodós' para o Tupi

Casa de shows da Vila Madalena recebe neste sábado (22) dois dos melhores violonistas brasileiros

O Estado de S.Paulo

21 Setembro 2018 | 18h11

Dois dos maiores violonistas brasileiros levam para o palco da casa Tupi or not Tupi o repertório do disco Xodós, com produção de Swami Jr. O show será neste sábado (22), às 21h30, com ingressos a R$ 80. Paulo Bellinati e Marco Pereira fizeram um disco leve, de uma beleza singela atingida também por uma humildade de músicos que não pensam em se sobrepor à obra. Apesar de instrumental o tempo todo, não há exibicionismos, o que só reforça o que são temas como De Volta pro Aconchego, Gostoso Demais, Eu Só Quero um Xodó, Isso Aqui tá bom Demais. De Marco, entram Café Compadre, Santo amaro, Amigo Leo e Choro de Juliana. Bellinati traz Fandango e Jongo. E há ainda uma série de Dilermando Reis, com Uma Valsa e Dois amores, Magoado, Xodó da Baiana e Se Ela Perguntar. 

Um pouco mais sobre os músicos: Paulo Bellinati é instrumentista (violonista), compositor, arranjador. Um de seus professores foi Isaias Sávio. De 1975 a 1980, ele viveu na Suíça, onde continuou seus estudos em Genebra e lecionou no Conservatório de Lausanne. Sua atuação tem reconhecimento em âmbito internacional. Foi um dos representantes brasileiros, ao lado de Cristina Azuma, Gabriel Improta e a Camerata de Violões do Conservatório Brasileiro de Música, do evento Panorama Internacional do Violão, que ocupou a Sala Cecília Meireles em 2000, com recitais e master classes. É um dos integrantes do grupo Pau Brasil. 

Marco Pereira é violonista, compositor, arranjador e produtor. Estudou violão na capital paulista, sob orientação também do mestre uruguaio Isaías Sávio. Viveu na França por 5 anos, e recebeu lá o título de mestre em violão pela Université Musicale Internationale de Paris. Em Paris, recebeu forte influência jazzística e também de música latinoamericana, o que caracterizou, especialmente, seu trabalho de composição.

 

Mais conteúdo sobre:
Paulo BellinatiMarco Pereira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.