Divulgação
Divulgação

Paul Simon e Yo-Yo Ma recebem prêmio Polar 2012

Premiação é umas espécie de 'nobel' da música internacional, entregue em Estocolmo

Efe,

28 de agosto de 2012 | 16h45

O cantor Paul Simon e o violoncelista Yo-Yo Ma foram coroados nesta terça-feira, 28, no Konserthus de Estocolmo com o prêmio Polar 2012, uma espécie de "Nobel" da música internacional.

Segundo a decisão do júri, Yo-Yo Ma, "o maior violoncelista do nosso tempo", foi premiado por ter dedicado "seu virtuosismo e seu coração às viagens da prospecção musical ao redor do mundo".

"Yo-Yo Ma é a prova vivente que a música é comunicação, paixão e habilidade para compartilhar experiências", completou o júri.

O músico americano de origem chinesa, que fez questão de agradecer o apoio recebido por sua família ao longo da carreira, definiu a música que sai de seu violoncelo como a "ponta de um iceberg" que sai por trás de seus ideais e valores.

No caso de Paul Simon, que despontou para música ao lado de Art Garfunkel, no duo Simon & Garfunkel, o júri foi ainda mais enfático ao descrever a importância do "compositor de classe mundial". Segundo o júri do Polar, a música Simon, que possui mais de cinco décadas de carreira, "cria pontes não só sobre águas turbulentas, mas sobre oceanos inteiros, reunindo os continentes do mundo com sua canção".

"Com habilidades consumadas, regras inovadoras e letras provocativas que nunca falham ao capturar as correntes de sua época, Paul Simon formou uma biblioteca de canções que permanecerá aberta a futuras gerações", assinalou o júri.

Diante de uma grande platéia, Simon lembrou de seu pai, que lhe comprou seu primeiro violão, e disse estar "em dívida" com todos os músicos de distintas culturas com quem tocou ao longo de sua carreira.

Além do prêmio, entregue pelo rei Carlos XVI Gustavo, Simon e Yo-Yo Ma também receberam a quantia de 1 milhão de coroas suecas (US$ 146 mil).

 
Mais conteúdo sobre:
Paul SimonYo-Yo Ma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.