Paul McCartney pede rosas, frísias e gardênias

Mobiliário sem qualquer vestígio de pele ou imitação, rosas, frísias, gardênias e bambus para o camarim sãoalgumas das exigências do ex-Beatle Paul McCartney, que faz amanhã o show de pré-abertura do Rock in Rio Lisboa.A informação foi dada à agência Lusa pela organização do Rock in Rio, o primeiro realizado em Portugal, para a sua curta estada no país, já que o cantor deverá partirde pois do concerto no seu avião particular.A equipe pessoal de um dos mais emblemáticos músicos dos Beatles é composta por 50 pessoas. Paul McCartney chegou em Lisboa ontem à tarde acompanhado da mulher Heather Mills e da filha mais nova, Beatrice - o ex-Beatle traz o seu próprio "catering", numa equipa composta por seis cozinheiros e doceiros e em que o menu será apenas vegetariano, acrescentou a organização.Antes do show de Paul McCartney - no Palco Mundo da Cidade do Rock - uma equipe de artistas vestidos com roupas daépoca dos Beatles abrirá o concerto.Outro dos "caprichos" de Paul McCartney - que chegou ontem à tarde ao aeroporto da Portela no seu avião particular e foi transportado de limusine até o Hotel da Lapa, foi um pedido de 250 toalhas brancas, acrescentou a organização.Além dos Beatles, Paul McCartney fundou os Wings, juntamente com a sua primeira mulher Linda, numa carreira marcada pela produção solo. McCartney, que fará 62 anos a 18 de Junho, foi armado cavaleiro (Sir) pela rainha Isabel II em 1996 por sua contribuição para a música britânica, um título que dedicou aos seus ex-companheiros da banda de Liverpool.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.