Paul McCartney é eleito o "homem do ano" pela revista GQ

O ex-Beatle Paul McCartney foi eleito, na noite desta terça-feira, o "homem do ano" pela revista britânica "GQ", apesar de ter enfrentado, nos últimos meses, uma escandalosa separação de sua esposa, a modelo Heather Mills. O ex-Beatle foi escolhido por ser uma das pessoas "mais dignas" do país, além de ser "uma lenda viva e ser querido pelo público da Grã-Bretanha como nunca antes". McCartney, de 64 anos, não pôde comparecer à cerimônia de premiação. A atriz da série de TV "Doctor Who", Billie Piper, foi nomeada pela "GQ" a "mulher do ano", enquanto o cantor norte-americano Justin Timberlake recebeu o prêmio de "homem internacional do ano".O editor da "GQ", Dylan Jones, declarou que a decisão de premiar McCartney foi tomada pelo fato de que o músico não deixa de criar e surpreender. "Completou 64 anos e produziu um de seus melhores álbuns. Além disso, tem sido amado pelo público da Grã-Bretanha neste ano como nunca antes. E com razão. Paul McCartney não é apenas uma lenda viva, mas também um dos músicos mais dignos que temos", explicou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.