Nick Ut/AP - Arquivo
Nick Ut/AP - Arquivo

Pai de Michael Jackson investe no parque 'Happyland' no Vietnã

Joe Jackson lembrou do filho, morto em 2009, sobre quem disse que 'viveu para fazer feliz o povo'

EFE

14 de fevereiro de 2011 | 12h20

O pai de Michael Jackson, Joe Jackson participou nesta segunda-feira como investidor na cerimônia de início da construção do "Happyland", um complexo hoteleiro e de entretenimento avaliado em US$ 2 bilhões no sul do Vietnã, e que pretender ser o maior da região.

Joe, de 82 anos, assinou no sábado o acordo pelo qual participará da construção de um hotel de cinco estrelas no "Happyland", que será erguido na província de Long An, perto da cidade Ho Chi Minh, a antiga Saigon.

Durante a cerimônia de início das obras, transmitida ao vivo pela televisão vietnamita, Jackson disse: "meu desejo é promover este projeto a todos os amigos do mundo para que compreendam melhor seu país".

Diante das câmeras, Jackson lembrou do filho, morto em 2009, sobre quem disse que "viveu para fazer feliz o povo e estou orgulhoso por poder manter isto, fazendo mais felizes aos vietnamitas".

O hotel no qual investirá Jackson será construído em uma área de 15 hectares e terá  mil quartos, segundo indicou o jornal digital VnExpress.

"Happyland", cujo promotor principal, o grupo Khang Thong, comparou com a Disneylândia, terá um parque aquático, estúdios cinematográficos, vias fluviais, teatros e restaurantes.

Durante a cerimônia, o vice-primeiro-ministro vietnamita Nguyen Thien Nhan revelou que "Happyland" será "o maior projeto turístico do sul do Vietnã e do Sudeste Asiático".

As autoridades do país preveem que "Happyland" abra as portas em 2014 e receba por ano 14 milhões de visitantes, 3 milhões estrangeiros.

Tudo o que sabemos sobre:
Michael JacksonJoe JacksonHappyland

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.