Helvio Romero/Estadão
Helvio Romero/Estadão

Osesp fará concerto em Nova York com obras de Villa-Lobos

Apresentação em outubro no Carnegie Hall será regida por Marin Alsop

João Luiz Sampaio, Especial para o Estadão

27 de abril de 2022 | 12h12

A Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo fará uma apresentação no Carnegie Hall de Nova York em outubro deste ano. O concerto foi anunciado ontem, 26, pela tradicional sala de concertos norte-americana.

A maestrina Marin Alsop será a regente na apresentação, no dia 14, que vai contar ainda com o Coro da Osesp na interpretação dos Choros nº10 – Rasga Coração de Villa-Lobos. Alsop, que dirigiu o grupo de 2012 a 2019, é atualmente regente de honra da orquestra.

O programa conta ainda com a Sheherazade, de Rimsky-Korsakov; e outras duas peças de Villa-Lobos: o prelúdio das Bachianas Brasileiras nº 4 e o Concerto para harmônica e orquestra, que terá José Staneck como solista. Segundo o Carnegie Hall, também está prevista a participação da soprano Camila Titinger.

Antes da viagem, nos dias 25, 26 e 27 de agosto, o mesmo repertório será tocado na Sala São Paulo, dentro da temporada de assinaturas da Osesp.

O concerto em Nova York integra a série Festival Internacional de Orquestras promovida pelo Carnegie Hall , que terá também a participação das filarmônicas de Helsinki, Berlim e Viena e a Orquestra Nacional de Lviv, da Ucrânia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.