Osesp é ovacionada em templo da música de NY

O público de Nova York aplaudiu de pé a apresentação da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, domingo, no palco do Avery Fisher Hall, no Lincoln Center, considerado um dos templos da música erudita mundial. John Neschling, regente da Osesp, voltou ao palco cinco vezes até que os aplausos terminassem, e foi visto chorando nos bastidores, assim como vários membros da orquestra paulista.O concerto em Nova York era o mais aguardado da primeira turnê norte-americana da Osesp, que já passou por nove cidades e apresentou 13 récitas. Hoje, ela se apresenta no Glenn Memorial Auditorium, em Atlanta. O programa executado domingo em Nova York reuniu músicas de brasileiros como Heitor Villa-Lobos e Marlos Nobre, e europeus como Brahms.Durante a turnê, o diretor artístico John Neschling e o regente associado Roberto Minczuk conduzem o grupo em 11 programas diferentes, mesclando clássicos do repertório mundial e obras de compositores nacionais. Os violonistas do Duo Assad acompanham a Osesp em 18 dos 20 concertos nos Estados Unidos. Nos outros dois, a Banda Mantiqueira é a convidada. A turne norte-americana da orquestra paulista começou em 25 de outubro e terminará em 21 de novembro, em Miami.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.