Os Rolling Stones, agora na Argentina

Desfalcado da presença de Mick Jagger, os três restantes integrantes do Rolling Stones desembarcaram na noite de domingo na capital argentina, para preparar os dois shows que ao longo que apresentarão nesta semana na Argentina. O desembarque de Jagger era esperado para hoje no fim do dia, após ter esticado por mais algumas horas sua presença no Rio de Janeiro. O grupo faz show em Buenos Aires na terça. "Los Rólin", como são chamados, vão passar a semana na Argentina. Keith Richards, Charlie Watts e Ron Woods chegaram em um Boeing especialmente fretado para o grupo. O aparelho, para evitar o assédio dos fãs, foi desviado para um hangar separado do resto do aeroporto de Ezeiza. Os Rolling Stones passaram a noite no Hotel Four Seasons, em Retiro (bairro vizinho à elegante Recoleta), a um quarteirão da Embaixada do Brasil. As entradas mais baratas para ver "Los Rólin" custaram 75 pesos (US$ 25). As mais caras custaram US$ 333. Há meses as entradas estão esgotadas. A cidade está cheia de "rolingas", como são chamados os fanáticos do grupo, provenientes do interior da Argentina e de países vizinhos.

Agencia Estado,

20 de fevereiro de 2006 | 12h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.