Orquestra Imperial mostra versatilidade nesta quinta-feira a partir das 22h30

Banda de 19 integrantes, de diferentes origens e trajetórias, se apresenta no Estúdio Emme, em Pinheiros

Estadão.com.br,

03 de março de 2011 | 18h46

 

  A Orquestra Imperial se apresenta nesta quinta-feira, 3, no Estúdio Emme (Avenida Pedroso de Moraes, 1036 - 3031 3290). Os ingressos podem ser adquiridos por R$ 40 até as 20h no local. Depois passam a custar R$ 60. A casa abre às 21h e o show começa por volta das 22h30.

Na Orquestra Imperial, a ordem é se divertir. A Orquestra é formada por 19 músicos de idades, trajetórias e estilos diversos. A proposta comum é estar envolvido em um projeto musical relevante.

Os integrantes são Thalma de Freitas (voz) - cantora e atriz -, Nina Becker (voz) - cantora e estilista -, Moreno Veloso (percussão e voz) - músico do projeto +2 -, Wilson das Neves (voz e percussões) - baterista, cantor e compositor -, Nelson Jacobina (guitarra e violão), Bartolo (guitarra) - integrante das bandas Força Bruta e Duplexx -, Pedro Sá (guitarra), Rubinho Jacobina (teclado), Kassim (baixo) Berna Ceppas (sintetizadores e percussão), Duani Martins (voz e cavaquinho), Domenico Lancelotti (bateria), Stephane San Juan (percussão), Leo Monteiro (percussão eletrônica), Leo Monteiro (percussão eletrônica), Felipe Pinaud (flauta e arranjos de sopro), Bidu Cordeiro (trombone), Mauro Zacharias (trombone) e Altair Martins (trompete).

Tudo o que sabemos sobre:
Orquestra ImperialEstúdio Emme

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.