Orquestra de Israel cancela turnê por falta de segurança

A Orquestra Filarmônica de Israel decidiu cancelar sua turnê pelos Estados Unidos. Conforme anúncio feito hoje, o conjunto não encontrou nenhuma empresa que garantisse a segurança dos cem músicos que o compõem. Da agenda, constavam concertos Los Angeles, São Francisco e Chicago."Não cancelamos a turnê, eles é que nos cancelaram", disse o diretor executivo da orquestra, Avi Shoshani. De acordo com ele, todas as empresas de segurança contatadas responderam não estar dispostas a correr o risco de um atentado terrorista. A Filarmônica de Israel apresentou-se em janeiro nos Estados Unidos e, conforme Shoshani, não houve nenhum incidente. Em agosto, ela vai a Austrália e, no mês seguinte, a Taiwan.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.