Organizadores do Grammy chegam a acordo com roteiristas

Os roteiristas em greve deHollywood disseram na segunda-feira que concederão um "acordointerino" aos organizadores do Grammy, permitindo assim que acerimônia de premiação da música seja elaborada por membros dosindicato. Na semana passada, o Sindicato dos Roteiristas da América(Writers Guild of America), que representa os 10.500roteiristas de filme e televisão que estão em greve, disse quenão iria atrapalhar o evento musical. O anúncio agora garanteque o show será apresentado em seu formato tradicional, comentrega dos prêmios e apresentações musicais. "Os músicos profissionais enfrentam muitas das questões quenós vivemos com relação ao pagamento justo pelo uso do nossotrabalho em novas mídias", disse o sindicato dos roteiristas emcomunicado, acrescentando que o grupo tomou a decisão "pelointeresse de alcançar nosso objetivo de conseguir um contratojusto". A Recording Academy, que realiza o Grammy, respondeu sedizendo "gratificada" por ter conseguido chegar a um acordo. O principal ponto de disputa dos roteiristas refere-se aopagamento pela publicação de seus trabalhos na Internet. Agreve atingiu diversos eventos de premiação em Hollywood,incluindo o Globo de Ouro. A entrega do Grammy, principal prêmio musical dos EUA, estámarcada para 10 de fevereiro. (Por Bob Tourtellotte)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.