Ópera perde o baixo Nicolai Ghiaurov

Nicolai Ghiaurov, o astro búlgaro da ópera, que foi considerado por muitos como um dos grandes baixoa do pós-guerra, morreu hoje, na Itália, de um ataque cardíaco. Ele tinha 74 anos de idade.Ghiaurov, que se especializou em óperas do século 19 e com freqüência cantava com sua esposa, a soprano italiana Mirella Freni, morreu num hospital de Modena, onde morava."Com o desaparecimento de Nicolai Ghiaurov, o mundo da música perde um gigante", disse o tenor hispano-mexicano PlácidoDomingo. "Para mim ele era o grande baixo para as óperas de Verdi´´, disse o tenor Carlo Bergonzi.O presidente da Bulgária, Georgi Parvanov, disse que "o cenário mundial da ópera ficou vazio" e para a diva búlgara Ghena Dimitrova, "ele foi uma estrela que brilhará para sempre".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.