Wilton Júnior/ Estadão
Wilton Júnior/ Estadão

'O Brasil é um país de moderados', diz Dinho Ouro Preto com Capital Inicial no Palco Mundo

Banda acende as luzes da cidade e celebra Legião Urbana como a maior banda de rock do Brasil

Leandro Nunes, O Estado de S. Paulo

03 de outubro de 2019 | 19h30

RIO - Com muitos hits, o Capital Inicial abre o Palco Mundo, onde mais tarde se apresenta o headliner Red Hot Chilli Peppers. Jatos de fogo no palco acendem as luzes da cidade em Depois da Meia Noite. Um mar de gente com camisetas pretas não perde tempo em se aproximar da banda. Capital Inicial se apresenta pela sétima vez no Rock in Rio, todas abrindo para o Red Hot.

Não é estranho perceber a emoção de um público fascinado. O rock continua fazendo barulho com esses caras. "Adrenalina está correndo aqui nas minhas veias", confessa o vocalista Dinho Ouro Preto. Independência e Música Urbana reafirmam o coro que conhece todos os versos. "Tudo quase errado mas tudo bem, tudo quase sempre como eu sempre quis."

As canções mais calminhas também deram as caras. "Acho que não tocamos essa desde 2001", lembra o vocalista sobre Tudo que Vai. "A gente esquece e só toca as mais agitadas mas é lindo ver esse mar de mãos." O mesmo vale para Primeiros Erros. Os primeiros versos estão na boca da plateia e Dinho apenas observa, encantado com o coral improvisado que veste camisetas do Red Hot. "Como se a gente fosse uma seita. Levante suas mãos!" 

O 'culto' de Dinho seguiu sob o céu sem nuvens com uma lua crescente acima do Palco Mundo. Melhor ocasião para cantar Não Olhe Pra Trás. "Escolha uma estrada e não olhe, não olhe pra trás."

Rolou uma homenagem que acolheu a todos. "Qual é a maior banda de rock nacional?", questionou o vocalista. Para os fãs que se anteciparam a gritar 'Capital Inicial', Dinho surpreendeu e começou 'Tempo Perdido', do Legião Urbana. Ouvir a plateia gritar 'Somos tão jovens' se tornou emocionante.

Ponto alto do show, Dinho vem com o hit À Sua Maneira." E encerrou com o refrão de Que Pais é Esse, mais uma do Legião."Por um país mais tolerante, mais livre. O Brasil é um país de moderados. Ninguém tem sangue nos olhos, ninguém tem a faca nos dentes. Isso é antibrasileiro."


Veja na galeria abaixo as últimas fotos do festival:


Vai curtir o festival lá no Rio? Saiba o que você pode ou não levar e veja também as opções de alimentação que estarão disponíveis na Cidade do Rock. Para quem for assistir de casa, existem também algumas possibilidades. Fique por dentro de toda a programação do Rock in Rio e não perca nenhum show!

Tudo o que sabemos sobre:
Capital InicialRock in Riomúsicarock

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.