Novo disco do Coldplay estréia em primeiro lugar nos EUA

'Viva La Vida or Death and All His Friends', o 4.º disco do grupo, vendeu mais de 720 mil cópias até domingo

Dean Goodman, da Reuters,

25 de junho de 2008 | 10h34

O novo disco da banda britânica Coldplay estreou em 1.º lugar na parada norte-americana, na contramão da queda de vendas que afeta outros músicos, informou a gravadora da banda na terça-feira, 24.   Veja também: Coldplay faz de Viva la Vida ensaio de turnêNovo álbum do Coldplay é o mais vendido no Reino UnidoViva La Vida or Death and All His Friends, o quarto disco lançado pelo grupo, vendeu mais de 720 mil cópias até domingo, quando completou seis dias nas lojas, segundo a Capitol Records. O álbum anterior, X&Y, também estreou em 1.º lugar, vendendo 737 mil cópias na semana de lançamento, em junho de 2005. Mas o total de vendas de discos caiu mais de 20% no período, de acordo com a empresa de contagem Nielsen SoundScan. A pirataria e a competição com os videogames são os responsáveis. O novo disco do Coldplay também ficou no topo das paradas no Reino Unido, Japão, Austrália, Canadá, França e Alemanha, disse a Capitol. A primeira música de trabalho, Viva La Vida é a número 1 nos Estados Unidos e no Reino Unido. O bom desempenho do álbum é um alívio para o grupo EMI, que vende o disco no Reino Unido. A EMI foi comprada no ano passado pela empresa de ações Terra Firma por cerca de US$ 6,4 bilhões e, desde então, tem passado por dificuldades. No fim das contas, os próprios empresários do Coldplay contrataram consultores e conselheiros para complementar os esforços de vendas e marketing da EMI. De acordo com a NielsenSoundscan, o Coldplay vendeu mais de 11 milhões de álbuns nos Estados Unidos. O mais vendido no país foi A Rush of Blood to the Head, de 2002, com 4,5 milhões de cópias. Já X&Y, que fez o jornal New York Times classificar a banda como "a mais insuportável da década", vendeu 3,2 milhões de cópias.

Tudo o que sabemos sobre:
Coldplay

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.