Novo CD de Lenine movimenta o mercado internacional

O assédio internacional em torno do compositor pernambucano Lenine só aumenta a cada novo lançamento. Mal chegou às lojas, seu último trabalho, Falange Canibal, já despertou o interesse do público estrangeiro. Na quarta-feira, o chefão do Departamento Artístico da gravadora BMG da França desembarcou no Rio para acertar o lançamento do disco na Europa.Quem também levou o novo álbum na bagagem foi a cantora canadense Alanis Morissette, que se declarou fã de Lenine. E o compositor não pára com os seus contatos internacionais. O grupo americano de rock Living Colour convidou Lenine para produzir duas faixas de seu disco de retorno, previsto para sair no segundo semestre.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.