Novatos se destacam no Prêmio Multishow 2010

Maria Gadú leva troféu de melhor álbum e Cine é eleito o melhor grupo

São Paulo

25 de agosto de 2010 | 08h24

MPB. A cantora paulistana Maria Gadú se surprende ao ganhar a estatueta cor-de-rosa

 

 

 

 

A noite dessa terça-feira foi dos estreantes no palco da Arena HSBC, Rio de Janeiro, durante a entrega do Prêmio Multishow. A paulistana Maria Gadú, novata na premiação, levou o troféu de melhor álbum. O melhor instrumentista foi o jovem Rodrigo Tavares, baixista da banda Fresno.

 

 

A estatueta mais cobiçada do prêmio, a de melhor grupo, ficou com a banda Cine, que levou a melhor sobre grupos já consolidados como Skank e Titãs. Os sertanejos também tiveram seu lugar de destaque. Pela primeira vez, houve uma premiação específica para a categoria e a dupla Victor e Leo levou a melhor. O prêmio de Revelação não ficou com a banda Hóri, de Fiuk, mas com o sertanejo Luan Santana.

 

 

A premiação foi democrática. Respeitando a escolha do público, que votou em seus preferidos pela internet, ela deu 11 troféus a 11 artistas diferentes. Ninguém levou mais de um prêmio.

 

 

 

 

Confira a lista dos premiados:

 

Melhor grupo – Banda Cine

 

Melhor instrumentista – Rodrigo Tavares (Fresno)

 

Melhor álbumMaria Gadú (Maria Gadú)

 

Artista sertanejo – Victor & Leo

 

Revelação – Luan Santana

 

Melhor MúsicaRecomeçar (Restart)

 

Melhor clipEspero a Minha Vez (NXZero)

 

Melhor DVD- Chiaroscope (Pitty)

 

Melhor show – Ivete Sangalo

 

Melhor cantor – Samuel Rosa

 

Melhor cantora – Ana Carolina

 

Experimente – Móveis Coloniais de Acajú

 

TVZéAs Máscaras – Cláudia Leite (Thiago Cardoso)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.