Nova Filarmônica abre temporada em SP

Com um programa que vai do período barroco a Villa-Lobos, passando por Beethoven, a Orquestra Nova Filarmônica de São Paulo abre, amanhã e quarta-feira, no auditório do Hotel Renaissance, a sua programação deste ano.Regida por seu fundador, o maestro Paulo Rydlewski, a orquestra abre o concerto com a Bachianas Brasileiras n.º 9, de Heitor Villa-Lobos, composta em 1945. Na seqüência, o grupo interpreta, de Bach, a Suíte n.º 2 em Si Menor para Flauta e Cordas. Na flauta, o destacado solista Antônio Carlos Carrasqueira.Finalmente, a orquestra executa uma das mais conhecidas peças orquestrais de todo o repertório, a Quinta Sinfonia de Beethoven, composta em 1808. As peças escolhidas, de execução bastante complicada, exigem da orquestra bastante cuidado e responsabilidade. "Villa-Lobos e Bach são compositores bastante complicados e é necessário muita atenção na hora de tocá-los".Quanto à Quinta Sinfonia, o maestro, que a interpretou pela última vez há cinco anos, ressalta a responsabilidade em se apresentar uma peça tão conhecida dos ouvintes. "Ela faz parte do imaginário das pessoas e é sempre difícil atender às expectativas do público", diz ainda.A Nova Filarmônica, no entanto, composta por apenas 35 músicos, promete surpreender na interpretação. "O tamanho da orquestra aproxima-se do das formações na época em que Beethoven compôs a Quinta Sinfonia", lembra o maestro.Criada em outubro de 1998, a Orquestra Nova Filarmônica de São Paulo é resultado da evolução de um projeto que nasceu com a Camerata Santo Américo. Com o tempo, quando as atividades do grupo foram aumentando, a formação ampliou-se, e com ela já foram feitas mais de 70 apresentações, sempre gratuitas ou beneficentes, ao ar livre e em teatros da capital.Orquestra Nova Filarmônica de São Paulo - Terça e quarta, às 21 horas. A entrada é franca, mas é necessário fazer reservas pelos telefones 853-5067 ou 3068-0644. Teatro Renaissance. Alameda Santos, 2.233, tel. 3069-2233.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.