Nokia fecha acordo para disponibilizar músicas da Warner

Usuários poderão armazenar por um ano todas as canções que baixarem; gravadoras tentam enfrentar iTunes

Reuters,

01 de julho de 2008 | 11h13

A Nokia, maior fabricante de celulares do mundo, fechou um acordo com a Warner Music para incluir os títulos que a gravadora detém no serviço Comes With Music e em sua loja virtual, anunciou a empresa finlandesa nesta terça-feira, 1. O serviço da Nokia irá se diferenciar de outros no mercado - os usuários poderão guardar por 12 meses todas as músicas que baixarem. Veja também:Grandes gravadoras se beneficiam de vendas não musicais "(Comes With Music) é a primeira iniciativa mundial que combina de forma fundamental os interesses das gravadoras com os das empresas de telecomunicação", disse Edgar Bronfman, presidente da Warner. A Nokia, primeira fabricante de celulares que aposta fortemente no conteúdo, já fechou um acordo com a Universal Music em dezembro de 2007 e outro com a Sony BMG em abril, para oferecer canções destes selos em seu serviço de música. Com parceria com as três maiores gravadoras do mundo, a fabricante espera agora atrair empresas menores e desafiar o negócio dominante da música digital de pagar por cada arquivo. O modelo de downloads ilimitados poderia ser um gole para a convalescente indústria musical, que luta para achar uma forma de compensar o declínio das vendas de CD. O mercado de música digital alcançou US$ 2,9 bilhões em faturamento em 2007. As companhias discográficas esperam que a Nokia e outras empresas enfrentem a posição de domínio no mercado digital do iTunes, da Apple, depois de encontrarem problemas para um acordo com a empresa americana em termos de preço.

Tudo o que sabemos sobre:
NokiaWarnermúsica digital

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.