REUTERS/Mario Anzuoni
REUTERS/Mario Anzuoni

Nicki Minaj volta à música três anos depois com ‘Do We Have A Problem?’

A música conta com a colaboração de Lil Baby, e foi apresentada ao vivo ontem à noite durante um jogo de basquete

EFE, O Estado de S.Paulo

04 de fevereiro de 2022 | 12h25

Três anos depois que anunciou a retirada da indústria da música, Nicki Minaj lançou nesta sexta o single Do We Have a Problem? que, segundo sua gravadora, "só dá a entender que há muito mais por vir."

A música, que conta com a colaboração de Lil Baby, foi apresentada ao vivo ontem à noite durante um jogo de basquete do Los Angeles Clippers em que tudo foi tingido de rosa para receber a estrela do rap.

Do We Have A Problem? É o primeiro single que publica em seu nome, embora desde que anunciou sua suposta aposentadoria em setembro de 2019 para se dedicar à família, foram várias as músicas em que colaborou, alguns de grande sucesso como Tusa com Karol G e, mais recentemente, Boyz de Jesy Nelson.

Nestes três anos, a cantora não deixou de ser notícia por motivos sem relação com a música, como quando em 2020 ela se tornou mãe pela primeira vez com seu marido, Kenneth Petty, ou quando seu pai morreu após ser atropelado em fevereiro de 2021.

Além disso, Minaj foi recentemente controversa por questionar a vacinação contra o coronavírus e quando ela e seu parceiro foram processados ​​por assediar a mulher que já havia acusado Petty de tê-la agredido sexualmente.

Foi em 2010 quando a artista originária de Trinidad e Tobago, cujo nome verdadeiro é Onika Tanya Maraj (Port of Spain, 1982), publicou seu primeiro álbum, Pink Friday (2010), com o qual se tornou a segunda artista feminina de hip hop de maior sucesso em listas, atrás de The Miseducation of Lauryn Hill (1998) por Lauryn Hill.

Hoje estima-se que ela seja a rapper feminina com maior histórico de vendas, com mais de 10 milhões de cópias vendidas sua discografia, que inclui os álbuns Pink Friday: Roman Reloaded (2012), The Pinkspring (2014) e Queen (2018).

 

Tudo o que sabemos sobre:
Nicki Minajrapmúsica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.