Nata do samba visita SP no fim de semana

Em comum, o samba. O gênero, que, por exemplo, aproxima o mestre Elton Medeiros da cantora Paula Lima, é parte da essência musical de boas atrações do fim de semana em São Paulo. Além de Elton e Paula, ambos lançando CDs, a cidade é palco do projeto Conexão Telemig de Música que propõe o intercâmbio de artistas mineiros e paulistas. Um desses encontros será o da intérprete Ná Ozzetti, que gravou o disco Show (repleto de sambas-canções), com a mineira Alda Rezende. Outra opção é o espetáculo Em Família, com o conjunto Época de Ouro e Paulinho da Viola.Sábado e domingo Elton Medeiros lança o belíssimo CD Aurora de Paz (Rob Digital), no teatro do Sesc Pompéia. Desde 1996 ele não produzia um trabalho-solo. Entretanto, durante esses anos Elton participou de álbuns de parceiros e de alguns projetos, como Só Cartola, Meninos do Rio e Esquina Carioca. Certamente, Elton está presente no mercado fonográfico uma vez por ano. Mesmo assim, no seu caso, um novo disco é sempre uma boa notícia.Embora seja "rotulado" como sambista, ele é bamba de obra farta e diversificada. Fazem parte do seu repertório valsas serestas, choros e as várias nunces do samba. A sua música, criada em parceria com outros grandes compositores, é resultado de uma vida regada a experiências musicais intensas. Isso inclui quando jovem, a participação nos corais de estudantes, regidos pelo maestro Heitor Villa-Lobos. Mas a sua representatividade está muito além de uma formação musical invejável. Com o parceiro Cartola, compôs o clássico O Sol Nascerá, gravado em 1964, e a partir daí sua obra teve mais reconhecimento.Aurora de Paz é um retrato desse rico universo, pois é um nato "fazedor de músicas". Elton gravou dez músicas inéditas e quatro regravações. Há parcerias com Cacaso (canção que dá nome ao disco), Afonso Machado (que também foi produtor e um dos arranjadores do CD), Eduardo Gudin (que fará uma participação no show), Paulo César Pinheiro, Paulo Vanzolini, Zé Kéti e Paulinho da Viola (hoje, o parceiro mais constante), Regina Werneck, entre outros. O disco teria também uma música em parceria com Pena Branca, mas tecnicamente a gravação não ficou boa. Há também participações especiais, belos coros e um time de músicos de primeira linha.Distante circunstancialmente de Elton, Paulinho da Viola também apresenta-se na cidade com o espetáculo Em Família. De amanhã a domingo, no Sesc Vila Mariana, ele estará acompanhado do importante conjunto de choro, Época de Ouro, que foi criado por Jacó do Bandolim. A nova formação é liderada pelo violonista César Faria, pai de Paulinho. A sua ligação com o Época de Ouro começou na década de 70, quando ele chamou o grupo para tocar no memorável show Sarau.Representando uma vertente mais pop do samba, a cantora Paula Lima lança seu primeiro disco. Paula é conhecida por sua voz poderosa, de acento soul, que a caracteriza como uma revelação na black music nacional. O álbum foi produzido por Max de Castro e tem músicas inéditas de jovens compositores. Ela canta somente amanhã, no teatro do Sesc Pompéia.Ainda não é o lançamento de Show, mas um bom momento para conferir a apresentação de Ná Ozzetti com algo novo no repertório, que tem músicas como Na Batucada da Vida, de Ari Barroso e Luiz Peixoto; Adeus Batucada, de Synval Silva; e Meu Mundo Caiu, de Maysa. A ocasião é também interessante porque tem a presença da cantora mineira Alda Resende. Esse encontro faz parte do projeto Conexão Telemig de Música, que ocorre até o dia 14, na choperia do Sesc Pompéia, em São Paulo.Elton Medeiros. Sábado, às 21 horas; e domingo às 18 horas. De R$ 5,00 a R$ 10,00. Teatro do Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93, em São Paulo, tel. (11) 3871-7700.Paula Lima. Amanhã, às 21 horas. De R$ 6,00 a R$ 12,00. Teatro do Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93, em São Paulo, tel. (11) 3871-7700. Último dia.Paulinho da Viola e Época de Ouro. Amanhã e sábado, às 21 horas; e domingo, às 18 horas. De R$ 10,00 a R$ 20,00. Sesc Vila Mariana. Rua Pelotas, 141, em São Oaulo, tel. (11) 5080-3000. Até domingo.Trem de Minas - Música Além das Montanhas. Amanhã, Alda Rezende, Radar Tantã, Ná Ozzetti e Paulinho Moska. Sábado, Patrícia Ahmaral e Zeca Baleiro. Dia 13, Vander Lee, Berimbrown e Luiz Melodia; e dia 14, Maurício Tizumba, Jairzinho Oliveira, Marina Machado e Lô Borges. Sexta e sábado, às 21 horas. De R$ 7 50 a R$ 15,00. Choperia do Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93, em São Paulo, tel. (11) 3871-7700. Até 14/7.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.