Divulgação
Divulgação

Nação Zumbi e Mundo Livre S/A, aniversário de 15 anos

As bandas comemoram a efeméride de seus álbuns de estreia, no Citibank Hall e no Studio SP

Pedro Henrique França, de O Estado de S. Paulo,

18 de setembro de 2009 | 05h00

Para muitos pais, a festa de 15 anos de uma filha é um rito de passagem para a vida adulta - e requer investimento. Formadas apenas por meninos (já crescidinhos), as bandas Nação Zumbi e Mundo Livre S/A celebram nesta sexta, 18 e no sábado, em palcos diferentes, os 15 anos de seus bem-sucedidos álbuns de estreia, que fizeram com que o país enxergasse o Recife além do frevo e abriram espaço para a projeção nacional de outros pernambucanos (do manguebeat ou não).

 

Em 1994, a Nação Zumbi contou com a estrutura da Sony para uma ampla divulgação do disco Da Lama ao Caos, realizado com Chico Science (1966-1997). O álbum mais cultuado pelos fãs da banda será executado na íntegra hoje (18), no Citibank Hall, com abertura de Ortinho e Guizado. Para o guitarrista Lúcio Maia, do Nação, ‘Da Lama’ foi um disco de rupturas. "Usamos hip hop, rock, afrobeat, maracatu, tudo com uma visão própria."

 

O Mundo Livre S/A despontou na cola do Nação, também em 1994, com o disco ‘Samba Esquema Noise’ - e um orçamento bem menor. O trabalho será apresentado com roupagem dub amanhã, no Studio SP. O líder Fred Zero Quatro diz que teve receio de que o ‘Da Lama’ ofuscasse a banda. Não foi o que aconteceu. "Os dois discos consagraram Recife como um polo da música contemporânea."

 

Onde: Nação Zumbi. Citibank Hall (3.150 lug.). Av. dos Jamaris, 213, Moema, 2846-6000. Quando: Sexta, 18, 22h. Quanto: R$ 40/R$ 110.

Onde: Mundo Livre S/A. Studio SP (450 lug.). R. Augusta, 591, Centro, 3129-7040. Quando: Sáb. (19), 23h59. Quanto: R$ 25 (antecipado)/R$ 30.

Tudo o que sabemos sobre:
Nação ZumbiMundo Livre S/A

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.