Na Internet, o melhor do pop em 2001

O crescimento do acesso à Internet cadavez mais elimina as barreiras dos lançamentos musicais que nãosão mainstream, libertando o público da tirania das grandesgravadoras. Ainda assim, uma série de artistas que já viraramsucesso no mercado internacional ainda não ganharam o devidoespaço no Brasil. De Gorillaz a Goldfrapp, a música pop descobre caminhos variadose experimenta misturas cada vez mais criativas, que podem serdescobertas em importadoras ou na rede mundial de computadores. Confira alguns dos principais lançamentos deste ano que nãoganharam o merecido destaque no País.Goldfrapp - Depois de cantar em faixas de Tricky e Orbital nosanos 90, Alison Goldfrapp juntou-se a Will Gregory e formou ogrupo que leva seu sobrenome. O resultado é o brilhante discoFelt Mountain, que inaugura a era minimalista do trip hop,mas deixa de lado a influência sombria do Portishead.Instrumentos acústicos (sopro e cordas) misturam-se comdiscretos ruídos eletrônicos em faixas originais, como Humane Pilots, e um ótimo cover de Physical, de OliviaNewton-John. Os videoclipes são um show à parte. Estilo: Triphop minimalista. Site oficial:www.feltmountain.com Gorillaz - Se você ainda não ouviu falar do Gorillaz, considerepassar mais tempo na Internet. A primeira banda formada porpersonagens de desenho animado mistura a voz de Damon Albarn, doBlur, o talento para samples de Dan "The Automator" e aestética de James Hewlett, criador da Tank Girl. O grupoconquistou o mundo com o clipe de Clint Eastwood, ganhoualguns dos mais importantes prêmios do ano e está sendo sondadopor Steven Spielberg para a produção de um longa-metragem. Odisco de estréia, que leva o nome do grupo, tem faixas bemvariadas, indo do punk rock à colagem de samples. Estilo:Pós-hip hop inglês. Site oficial:www.gorillaz.comNikka Costa - A menininha que fez sucesso nos anos 80 com o hitOn My Own cresceu no mundo do showbiz por causa de seu pai,Don Costa, que trabalhou com Frank Sinatra e Barbra Streisand,entre muitos outros. Ela tirou férias da música quando Donmorreu e recomeçou sua carreira na Austrália, há poucos anos.Nikka voltou a chamar a atenção nos Estados Unidos e na Europacom Everybody Got Their Something, produzido por JustinStanley e o DJ Mark Ronson, com todas as músicas compostas por ela. Em um momento em que o mercado é dominado porcriações de estúdio como Britney Spears e Christina Aguillera, otalento de Nikka surpreende. Estilo: rock/soul moderno. Site oficial: www.nikkacosta.comDaft Punk - O primeiro disco da dupla francesa formada porGuy-Manuel de Homem Christo e Thomas Bangalter desde o aclamadoHomework, de 1994, é um novo clássico da música eletrônica.Com uma sonoridade que soa moderna e retrô ao mesmo tempo,Discovery serve de trilha sonora de festas (em especial omegahit One More Time), mas também contém faixas mais lentas,como a ótima instrumental Quo Vadis. Não deixe de conferiros vídeos em animação, dirigidos pelo japonês Leiji Matsumoto. Estilo: Tech-house francês. Site oficial: www.daftpunk.comPink - Ela é mais uma prova de que nem todas as cantoraspós-adolescentes do mercado atual são fabricadas por produtores.Depois de participar de uma banda de rock, conhecer o circuitodas raves e lançar um disco de estréia baseado em hip hop, Pinklança seu segundo trabalho, o ótimo Mizandastood, em queassume o pop dançante, mas com atitude de sobra. Conhecida pelocover de Lady Marmalade, da trilha sonora de MoulinRouge, a cantora tem tudo para tomar conta das pistas e dasparadas com hits como Get the Party Started. Estilo: Badgirl pop-disco-hip-hop. Site oficial:www.pinkspage.comMissy Elliott - Se você acha que o hip hop atual é dominadoapenas por Puff Daddy e Eminem, de novo: passe mais tempo nainternet. Missy "Misdemeanor" Elliott e seu parceiro Timbalandinventaram a sonoridade sincopada que virou o padrão do hip hopatual. Produtora e compositora, ela estreou como artista-solo em1997 com o disco Supa Dupa Fly. Em junho chegou ao mercado oterceiro álbum, Miss E So Addictive, impulsionado pelosingle de Get U Freak On, que, de novo, revolucionou ogênero. Pouco compreendida por não se encaixar nos padrõespopozudos do mercado, Missy é indispensável para a compreensãodo pop atual. Estilo: Hip hop moderno. Site oficial: www.missy-elliott.comThe Avalanches - Antes mesmo de serem aclamados em boa parte domundo com o disco Since I Left You, os australianos doAvalanches viraram notícia quando Madonna, pela primeira vez,autorizou um sample de uma música sua (Holiday). Mas o grupomostrou que é muito mais do que hype da mídia com o álbum quecontém nada menos que 900 samples. O resultado é variadíssimo emoderno, um dos melhores discos não-baseado em vocais lançadonos últimos tempos. Estilo: Colagem eletrônica. Site official: www.theavalanches.netSigur Rós - Com o disco Agaetis Byrjun, lançado na Islândiaem 1999, o grupo provou que existe vida criativa por lá além darainha Björk. O segundo álbum da banda, que se apresentou noFree Jazz Festival em outubro, ficou no primeiro lugar da paradalocal por um ano, foi apontado pelo New Musical Express comoum dos melhores lançamentos da Inglaterra e, finalmente,desbancou nomes muito mais conhecidos ao vencer a primeiraedição do Short List of Music. Estilo: Pós-rock hipnóticoexperimental e climático. Site oficial:www.sigur-ros.com

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.