Músicos independentes lembram Circo Voador

A multidão de jovens que lota as ruas e becos da Lapa, bairro boêmio do centro do Rio, nos fins de semana vai matar um pouco a saudade do Circo Voador neste sábado à noite, com o show Compositores SA, que reúne seis cantoresacompanhados só de violão, num contato bem próximo com opúblico. Gabriel Moura (do Farofa Carioca), Luiz Carlinhos (doDread Lion), Roger, Pedro Quental, Rafael Gemal e João das Letrassão músicos que não querem (ou não conseguem) entrar no esquemadas grandes gravadoras, mas têm um público fiel, que lhespermitiu gravar discos e lota seus shows. "A diferença é que amanhã a noite será mais calma e asmúsicas serão ouvidas com mais atenção", adianta um dosorganizadores, Rodrigo Rezende. "Normalmente, os shows delessão a maior pauleira, todo mundo dança, zoa muito e detalhesimportantes do trabalho não são percebidos pelas milhares depessoas que vão ouvi-los. Desta vez, o público não passa de 400pessoas, até porque o lugar não comporta, com conforto, mais queisso." Cada um dos seis músicos tem seu estilo. Eles geralmentemisturam vários gêneros e se auto-identificam como Música PopularCarioca Contemporânea (MPCC). Ainda não alcançaram projeçãonacional, embora tenham começado a sair do Rio para shows emconjunto como esse, ou solos. "Desta vez, cada um apresentaráduas ou três músicas e, no fim, todos tocam juntos em um grandeimproviso", informa Rezende. Atualmente, o local sob os Arcos da Lapa onde o CircoVoador ficou de 1982 até ser demolido, em 1996, é uma praça cheiade material de construção usado, mas a prefeitura do Riopromete reverter a situação no próximo verão. No ano passado,um concurso do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB) escolheuum projeto para o novo Circo, cuja licitação para construçãoserá aberta no segundo semestre. "Este show é um ensaio para oque vem por aí e atende a uma reivindicação de toda a cidadepara a volta do local onde tudo começou: na Lapa", dizRezende.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.