Músicos da OSB entram em greve

Os músicos da Orquestra Sinfônica Brasileira, que não recebem salário há quatro meses, decidiram paralisar as atividades até a semana que vem, em assembléia realizada ontem na Sala Cecília Meireles, no Rio. Por 33 votos a 30, eles resolveram cancelar ensaios e concerto marcado para sexta-feira. O objetivo é discutir alternativas ao sistema administrativo atual do grupo. Fundada em 1940, a OSB é a orquestra mais tradicional do País.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.