Música do Nordeste é destaque em NY

O Brasil mais uma vez ganha destaque naprogramação cultural oficial de Nova York. Em sua oitava edição,o Lincoln Center Festival vai apresentar novos gêneros musicaispara os americanos, durante os cinco dias do evento Brazil:Beyond Bossa: A Festival of Brazilian Music. Entre as atrações estão nomes como Carlinhos Brown, a Timbalada e o Mundo LivreS/a, que já se apresentaram na cidade, além de Mestre Salustiano DJ Dolores e Mestre Ambrósio, entre outros. A idéia do programa é homenagear os ritmos da região Nordeste:entre os dias 16 e 20, um dos palcos do complexo cultural vaidestacar o forró, o mangue beat e o coco. Esta é a maiscompreensiva mostra do gênero já realizada em Nova York, cidadecuja programação de verão costuma incluir shows de artistasbrasileiros de gêneros variados. O timing não podia ser melhor:o forró e outros ritmos nordestinos vêm saindo dos guetosbrasileiros e sendo descobertos recentemente na noitealternativa da cidade, com destaque para as noites dequarta-feira no bar Nublu, no East Village.A primeira noite (dia 16) ganha o nome de "From Coco to MangueBeat", tendo como destaque a cantora veterana Selma do Coco,que ganhou atenção nacional nos anos 90, ao participar do AbrilPro Rock. Baseada em Olinda, ela é intérprete do gênero há 40anos e já teve seu disco Minha História lançado na Europa.Na mesma noite vai se apresentar o Mundo Liver S/A, queajudou a lançar o movimento do mangue beat ao lado da NaçãoZumbi nos anos 90. No dia 17, é a vez dos tambores da Bahia. A programação incluiapresentações da Lactomia e da Timbalada, ambos vindos da favelade Candeal Pequeno, em Salvador. É a primeira vez que os gruposarquitetados por Carlinhos Brown se apresentam na cidade e,graças ao hype internacional da Timbalada e do músico, devem sera atração mais concorrida do evento.O forró é celebrado no dia 18 com shows de Vanildo de Pombos eMestre Ambrósio. O primeiro é discípulo de Luiz Gonzaga e vemfazendo sucesso com suas interpretações tradicionais do gênero(ele começa sua primeira turnê pela Europa este mês). A bandaMestre Ambrósio, de Recife, que já foi aclamada pelo New YorkTimes em 2000, promove uma mistura fresca de elementostradicionais e contemporâneos, utilizando instrumentosfolclóricos.Calinhos Brown, que já foi chamado pelo New York Times de"a resposta brasileira a Prince", vai ajudar a impulsionarmais um de seus grupos, o Hip Hop Roots, na noite do dia 19. Ogrupo de 12 músicos, que vem se apresentando com Brown, foimontado no fim dos anos 90 e já gravou com Arnaldo Antunes eJovanoti, na Itália.Encerrando a participação brasileira no festival, no dia 20, vãoestar o Mestre Salustiano e o DJ Dolores, na noite batizada de"Recife, Rabecas and Turntables". Com mais de 30 anos decarreira, Mestre Salustiano é conhecido principalmente pelovirtuosismo na rabeca. Um dos filhos dele é integrante daOrquestra Santa Massa, que acompanha o DJ Dolores, mestre damistura de elementos tradicionais da música de Pernambuco comsamplers, guitarras e beats eletrônicos. Os dois núcleos tambémvão se apresentar juntos.Com patrocínio da Bloomberg e da Pepsi, o festival de verão doLincoln Center inclui também programas dedicados à ópera,instalações teatrais, musicais, dança e vídeo ? sempre comatrações de diferentes regiões do mundo. Informações estão noweb site oficial da instituição, no endereçohttp://www.lincolncenter.org.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.