Música brasileira anima festivais do verão europeu

Enquanto as principais cidades européias se tornam capitais da música com a abertura de vários festivais de verão, músicos e bandas do Brasil aproveitam para mostrar seu som ao Velho Mundo. Nomes de grande estatura como João Gilberto, Maria Bethânia, Gilberto Gil e Caetano Veloso se misturam a outros menos consagrados fora do País para se apresentar ao público europeu. Os baianos citados estarão presentes em festivais como o lendário Montreux Jazz Festival, na Suíça. Ao lado deles, uma trupe de gente que talvez para os suíços seja nova, como o grupo Falamansa, o Cidade Negra, Chico César, Luciana Mello. Completam o elenco tupiniquim no Montreux Jair Rodrigues e Jacques Morelembaum. João Gilberto ainda está escalado para o Viena Jazz Festival. O famoso festival de Roskilde, na Dinamarca, vai receber os mineiros do Skank, a DJ Dolores e Carlinhos Brown, que começa na quinta-feira. Carlinhos Brown segue sua via de sucesso recente na Europa: seu novo disco Carlito Marrón é sucesso na Espanha. Além disso, em Portugal também tem vez para os brasileiros. O DJ Marky participa do festival de músic eletrônica Optimushype, em julho. Ele não é o único: Ney Matogrosso, Caetano e Moreno Veloso, Bethânia, Adriana Calcanhoto e Marisa Monte também estão com agenda de shows na terra de Cabral. Os festivais já se tornaram eventos gigantes e obrigatórios para os jovens da Europa. Realizados em praticamente todos os países do continente, eles atraem 15 milhões de pessoas para os 160 eventos do calendário musical de verão. O clima da maioria deles é de Woodstock, ou seja, jovens acampados em barracas ao som de música, só que muito mais sofisticado e controlado. Fazem parte da lista de festivais de verão eventos famosos como o Glastonbury Festival, na Inglaterra, o Hultsfred Festival, na Suécia, o Hurricane Festival na Alemanha e vários outros. Apesar da não desprezível presença brasileira, os festivais de verão da Europa têm sua agenda marcada por atrações européias e americanas. Os grandes nomes, que fecham as grandes noites, são mesmo Radiohead, Coldplay, REM, Moby e outras estrelas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.