Mulher do médico de Harrison sai em sua defesa

A mulher do médico processado pela família do ex-Beatle George Harrison saiu em defesa do seu marido. Josiane Lederman, médica e mulher do médico Gilbert Lederman, que tratou do câncer que foi responsável pela morte de Harrison, disse que o médico é cuidadoso com seus pacientes. "Gil não é daquela maneira. As famílias de seus pacientes se tornam nossos amigos íntimos", disse ela. A família de Harrison acusa o dr. Lederman de ter obrigado Harrison, já no leito de morte, a autografar uma guitarra com o intuito de fazê-la valorizar e depois vendê-la.

Agencia Estado,

13 de janeiro de 2004 | 18h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.