MTV quer festa jovem para o Vídeo Music Brasil

A edição do VMB 2001 (Vídeo Music Brasil), festa-prêmio da música pop nacional promovida pela MTV, será conceitualmente mais vinculada ao perfil da jovem emissora. A premiação vai ocorrer no dia 16 no Credicard Hall, a partir das 22 horas. A transmissão será ao vivo.A jovialidade começa pela escolha do mestre-de-cerimônias, o VJ Marcos Mion. A sua popularidade e humor, às vezes de gosto duvidoso, foram as características que o definiram para a função. "Queremos um VMB mais MTV em todos os sentidos. O nosso prêmio é um grande carnaval aguardado pela cena pop o ano inteiro. É um momento de comemoração da arte de fazer videoclipe", disse Zico Goés, diretor de Programação e Produção da emissora.Este ano, a festa-programa terá um bloco e um show a menos do que a edição de 2000. Para tornar o VMB mais enxuto, os organizadores afirmaram que essa medida nada tem que ver com o custo do programa, que está com as cotas vendidas desde janeiro. Entre as atrações do VMB, haverá os shows de Rita Lee e Cássia Eller, Sepultura e O Rappa, Gabriel o Pensador e o grupo Afroreggae e, ainda, Charlie Brown Jr., um dos conjuntos de grande destaque na programação.O conceito "de ser mais MTV" também diz respeito ao privilégio que será dado na festa aos VJs da casa e aos artistas do meio musical. No ano passado, o VMB trazia como tema a televisão e, por isso, teve figurões desse meio de comunicação. Em 2001, o mote do "carnaval" será o futuro, com coelhos mutantes e harmonia com a natureza.A premiação de 2001 não contempla os gêneros axé, pagode e sertanejo. "Eles não estão neste ano no VMB porque eles não têm reflexo no mercado como em 1999, quando estavam em ascensão", afirma Anna Bluter, diretora de Relações Artísticas. "Mesmo que existam novas categorias que mostrem o mercado, a nossa alma será sempre o pop e o rock." As categorias são as mesmas do ano passado com exceção de uma novidade: os piores clipes. O voto, nesse caso, não será dado pelo público.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.