Mozarteum programa temporada diversificada

Em homenagem ao ano do 250º aniversário de Mozart, o Mozarteum Brasileiro programou uma série de concertos, começando com a Sinfônica da Rádio de ColôniaUma seleção de concertos para piano com Rudolf Buchbinder e a Orquestra de Câmara de Zurique; música de câmara com o Quarteto Mitchell-Tomter-Poltéra-Stott. Este é o ano do 250º aniversário de Mozart e o Mozarteum Brasileiro programou uma série de obras do compositor dentro de sua tradicional série de concertos internacionais, que começa com concertos da Sinfônica da Rádio de Colônia.O grupo virá ao Brasil sob regência de Semyon Bychkov, titular do grupo desde 1997. O programa tem, entre outras peças, o concerto para violino de Glazunov (solos de Sayaka Shoji) e a Sinfonia nº 5 de Tchaikovsky, e será apresentado no Parque do Ibirapuera e na Sala São Paulo, além do Teatro Carlos Gomes de Blumenau.O mês seguinte, junho, começa com Filarmônica de Freiburg, que fará dois concertos na Sala São Paulo ao lado do Coro Giuseppe Verdi de Freiburg e do Coro Barroco da Bahia, além de quatro solistas: a soprano Birgit Eger, a meio-soprano Sybylle Kamphues, o tenor Tadeusz Szlenkier e o baixo Félix Serraclara. Sob regência de Andreas Winnen, todos eles vão interpretar o Réquiem de Verdi. Ainda em junho, os solistas de Trondheim fazem apresentações com o Concerto Para Piano nº 13 de Mozart, além de peças de Villa-Lobos e de música folclórica sueca.Em julho, mais Mozart com o Quarteto Mitchell-Tomter-Poltéra-Stott e obras como o Quarteto com Piano em Sol Menor, além de música de câmara de Mahler, Dvorak, Brahms e Haydn. Os dois concertos seguintes prometem, mas ainda estão sem programa definido. A Sinfônica da Rádio de Frankfurt se apresenta, em agosto, com regência de Hugh Wolff. E em setembro volta à cidade Gidon Kremer e sua KREMERata Báltica. Aqui, dá para torcer por algum Mozart também, afinal Kremer, apesar de toda a experimentação que marca seu repertório, é também belo intérprete do compositor. O que, aliás, pode-se dizer também de Rudolf Buchbinder que, no começo de outubro, coroa o Ano Mozart com os concertos 17, 20 e 25 para piano, ao lado da Orquestra de Câmara de Zurique. E o fim da temporada é um presente para os amantes do canto lírico: Dame Felicity Lott fará dois recitais na Sala São Paulo com o pianista Maciej Pikulski, que já esteve aqui acompanhando o belga José Van Dam.Até o dia 17, o Mozarteum Brasileiro está aberto para renovar as assinaturas de antigos assinantes. Novos membros serão aceitos a partir de 2 de março. O valor, que inclui toda a temporada, vai de R$ 260 a R$ 900 por pessoa. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (0-11) 38156377 ou no site www.mozarteum.org.br

Agencia Estado,

07 de fevereiro de 2006 | 11h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.