Mostra exibe carreira militar de Elvis Presley

Durante dois anos, o rei do rock foi apenas um recruta do exército dos Estados Unidos. Agora, uma exposição na base militar de Fort Knox exibe fotos de Elvis durante o serviço militar, seus uniformes, vídeos com entrevistas, documentos e o equipamento militar que usou de 1958 até dar baixa em 1960.O exército enviou Presley a uma unidade blindada de reconhecimento de terreno na Alemanha, porque ele preferiu isso a fazer turnês para entreter as tropas. "Decidiu fazer o serviço militar regular e foi um bom soldado", disse Frank Jardim, diretor do Museu Patton em Fort Knox.A mostra, inaugurada na quarta-feira, vai durar um ano. A idéia é demonstrar como o exército se adaptou à presença de um recruta tão famoso e vice-versa. Mas não foi uma experiência militar normal. "Isso era impossível", disse Jardim. "É o que queremos ilustrar". A mostra também revela como Presley e seu agenta, o coronel Tom Parker mantiveram viva sua carreira de cantor durante esses dois anos.Um exemplo, foi a produção de cartões de Natal com o jovem Presley vestido de uniforme pelo mundo inteiro foi uma maneira dele não perder contato com os fãs, enquando o ficava longe dos palcos. Presley conservou sua popularidade e ainda "ganhou o respeito dos adultos, que passaram a deixar seus filhos escutarem sua música", disse Jardim.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.