Morre pianista que tocou com Sinatra durante quase 50 anos

O pianista norte-americano Bill Miller, que acompanhou o cantor Frank Sinatra (1915- 1998) por quase 50 anos, morreu de complicações de um ataque cardíaco, aos 91 anos. Sua morte ocorreu num hospital de Montreal (Canadá) na terça-feira passada, mas a notícia só foi divulgada no sábado pelo site do jornal Los Angeles Times. Frank Sinatra Jr., que ?herdou? o pianista do pai, declarou ao mesmo diário: ?Bill Miller foi o melhor acompanhante que qualquer cantor popular podia ter. Nenhum outro tinha sua habilidade, ninguém tinha estilo como o dele.?Nascido em Nova York, Miller era autodidata e tocou com outros gigantes da música americana, como Tommy Dorsey e Benny Goodman, mas com Sinatra se tornou mais do que acompanhante. Foi seu parceiro (como o próprio cantor dizia) durante o período essencial de sua carreira, desde os anos de glória nas décadas de 50 e 60 até o último show, em 1995.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.