Morre o compositor italiano Gian Carlo Menotti

Morreu na Itália, aos 95 anos, o compositor Gian Carlo Menotti. Autor de algumas das principais óperas do século 20, como O Telefone e Amahl e os Visitantes da Noite, ele estava doente mas morreu ?em paz, sem dor?, segundo seu filho Francis. Nascido em Cadegliano, na Itália, ele mudou-se aos 16 anos para os EUA, onde iniciou os estudos de música, incentivado pelo maestro Arturo Toscanini, amigo da família. Foi aluno, entre outros, do compositor americano Samuel Barber. No início dos anos 30, escreveu sua primeira ópera, Amelia al Ballo, que foi estreada no Curtis Institute, em Chicago, e logo ganhou apresentações no Metropolitan Opera House, de Nova York. O sucesso lhe rendeu convites para escrever outras obras como The Old Maid and the Thief, a primeira ópera a ser escrita exclusivamente para o rádio - anos mais tarde, escreveria a primeira ópera para a televisão, Amahl e os Visitantes da Noite. As partituras de Menotti têm como marca a transparência e a claridade sonora, mas seu principal legado será o modo como trabalhou a voz humana, colocada no centro de suas principais composições.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.