Morre o cantor lírico Robert McFerrin

O cantor de ópera Robert McFerrin, primeiro negro a cantar sozinho no Metropolitan Opera de Nova York, morreu aos 85 anos, vítima de ataque cardíaco na cidade americana de St. Louis, Missouri. Nascido em Marianna, no Arkansas, ele ficou conhecido também por ser o pai do cantor Bobby McFerrin, que teve grande sucesso com a música Don?t Worry Be Happy e ganhou vários prêmios Grammy ao longo de sua trajetória. Robert McFerrin começou a carreira em 1955, com o personagem de Amonasro, da ópera Aida, que o tornou o primeiro negro a fazer parte da companhia do Metropolitan Opera de Nova York.

Agencia Estado,

29 Novembro 2006 | 12h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.