HEINZ-PETER BADER/ REUTERS
HEINZ-PETER BADER/ REUTERS

Morre o cantor e compositor George Michael, aos 53 anos

Ao longo da carreira, o músico vendeu mais de 100 milhões de álbuns

BBC, O Estado de S.Paulo

25 Dezembro 2016 | 21h30

O cantor George Michael morreu nesse domingo, aos 53 anos, disse seu publicitário. A estrela, que lançou sua carreira com Wham na década de 1980 e mais tarde continuou seu sucesso como artista solo, "faleceu pacificamente em casa".

LEIA MAIS: Análise: George Michael era a essência do pop romântico sem medo de ser brega

Thames Valley Police disse que uma ambulância o atendeu em sua propriedade localizada em Goring, Oxfordshire, Inglaterra.

LEIA MAIS: Famosos lamentam a morte de George Michael

A polícia disse que não havia circunstâncias suspeitas. Michael, que nasceu Georgios Kyriacos Panayiotou, no norte de Londres, vendeu mais de 100 milhões de álbuns ao longo de uma carreira que se estende por quase quatro décadas.

LEIA MAIS: Celebridades lamentam morte de George Michael

Em uma declaração, o publicitário do músico disse: "É com grande tristeza que podemos confirmar o nosso amado filho, irmão e amigo George morreu pacificamente em casa durante o período de Natal. A família pede que sua privacidade fosse respeitada neste momento difícil e emotivo. Não haverá mais comentários neste período."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.