Morre na Suíça o tenor Ernst Haefliger

Morreu no sábado, 17, em Davos, na Suíça, o tenor Ernst Haefliger. Conhecido por seu trabalho como recitalista e pela interpretação em óperas de Mozart, em especial A Flauta Mágica, ele estava com 87 anos e foi vítima de uma parada cardíaca. Principal tenor lírico da Deutsche Opera de Berlim entre 1952 e 1972, posto que passou a ocupar depois de temporadas no elenco da Ópera de Munique, Haefliger era também presença constante nos principais festivais do mundo, como os de Glyndebourne, Lucerna e Salzburgo. Gravou para os principais selos obras de um leque amplo de compositores, de Bach e Beethoven a Janácek e Mahler.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.