Nuccio DiNuzzo/Chicago Tribune
Nuccio DiNuzzo/Chicago Tribune

Morre Eddy 'The Chief' Clearwater, um dos grandes nomes do blues de Chicago

Nascido Edward Harrington, no Mississippi, músico tinha 83 anos e sofreu um enfarte

AP

03 Junho 2018 | 23h26

Morreu na sexta-feira, dia 1º, aos 83 anos, o guitarrista Eddy ‘The Chief’ Clearwater, considerado um dos grandes nomes do blues elétrico de Chicago. Ele sofreu um enfarte em Skokie, Illinois. 

Nascido Edward Harrington em Macon, Mississippi, aos 13 anos aprendeu a tocar guitarra sozinho, pois era canhoto e usava o instrumento invertido. Clearwater era chamado de ‘The Chief’ porque era descendente de índios Cherokee e foi criado pela avó, que pertencia à tribo.

Começou sua carreira em Birmingham, tocando com grupos de música gospel. Depois de mudar para Chicago, em 1950, Clearwater mergulhou no blues, sob o nome Guitar Eddy. Na cidade estava o seu primo, o gaitista Carey Bell, que o apresentou aos pilares do blues elétrico da windy city, Otis Rush (também canhoto) e Magic Sam.  

De acordo com a Alligator Records, depois que Eddy adicionou um elemento de rock and roll em sua guitarra, seu então empresário e baterista Jump Jackson mudou seu nome para Clear Water (água limpa), uma brincadeira com o nome do grande Muddy Waters (algo como águas lamacentas), considerado o pai do blues de Chicago.

Com mais de 15 discos no currículo, o de 2003, Rock ‘N’ Roll City, foi indicado para o Grammy como melhor álbum de blues tradicional.

O músico deixou a viúva, Renee, e seis filhos. 

Mais conteúdo sobre:
música blues

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.