Morre cantor de soul americano Luther Vandross

O lendário cantor de soul americano Luther Vandross morreu em Nova Jersey (nordeste), aos 54 anos, dois anos depois de sofrer um derrame cerebral, informou nesta sexta-feira um porta-voz do hospital onde estava internado. "Luther Vandross faleceu tranqüilamente acompanhado dos seus amigos, sua família e sua equipe médica", disse Robert Cavanaugh, porta-voz do Hospital John F. Kennedy, de Edison (Nova Jersey). O cantor "sofreu um derrame cerebral há dois anos, do qual nunca se recuperou completamente (...) Todos os pensamentos e bons desejos de seus fãs o comoveram profundamente", acrescentou. Vandross, cuja carreira se iniciou no final dos anos 70, era um dos cantores de soul mais populares dos Estados Unidos. Em 2004, ganhou o Grammy de melhor canção por Dancing with my Father. Nascido em 20 de abril de 1951, em uma família de forte tradição gospel e soul, Luther Ronzoni Vandross cresceu ouvindo Aretha Franklin, Diana Ross e Dionne Warwick. Há anos, lutava com problemas de saúde diversos, particularmente diabetes, que se agravaram quando sofreu o ataque de apoplexia, em abril de 2003, em seu apartamento em Nova York.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.