Morre aos 69 anos Ary Alves de Souza, sambista da Portela

Autor de diversos samba-enredos premiados, compositor também presidiu a Ala dos Compositores da escola durante dez anos

estadao.com.br,

22 de setembro de 2011 | 16h52

SÃO PAULO - Morreu nesta quinta-feira, aos 69 anos, o compositor Ary Alves de Souza. Conhecido como Ary do Cavaco, foi campeão com vários sambas-enredo pela Portela, e presidiu a Ala dos Compositores da agremiação de 1993 a 2003.

 

Seu último samba campeão na escola foi o de 2008, o enredo "Reconstruindo a Natureza, Recriando a Vida: O Sonho Vira Realidade", em parceria com Júnior Escafura, Diogo Nogueira, Ciraninho e Celsinho de Andrade.

 

O corpo está sendo velado no Cemitério Jardim da Saudade, em Sulacap. O sepultamento deve acontecer nesta sexta-feira, 23, às 11h. O compositor morreu em casa, e a causa da morte não foi divulgada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.