JF DIORIO |ESTADÃO
JF DIORIO |ESTADÃO

Mick Jagger: ‘Talvez me chamem para cantar ‘You Can’t Always Get What You Want’ na posse de Trump'

Vocalista dos Rolling Stones fez piada com a eleição do empresário no mais alto posto político dos Estados Unidos

O Estado de S. Paulo

09 de novembro de 2016 | 10h30

Enquanto artistas lamentam – e outros comemoram – a vitória de Donald Trump na disputa presidencial dos Estados Unidos, confirmada na manhã desta quarta-feira, 9, Mick Jagger usa um humor cheio de sarcasmo para comentar o resultado das eleições. 

“Estava assistindo aos noticiários”, escreveu ele na sua página oficial do Facebook. “Talvez eles me passam para cantar ‘You Can’t Always Get What You Want’ na cerimônia de posse, rá”. 

O post curioso do vocalista dos Rolling Stones ainda teve uma resposta ainda mais curiosa de um seguidor na rede social chamado Mike Haft. “Sympathy for the Devil certamente seria mais apropriada”, escreveu. 

A disputa presidencial se deu entre Donald Trump, candidato do partido republicano, e Hillary Clinton, representante dos democratas. Trump levou a melhor de forma surpreendente, segundo analistas políticos. 

Hillary tinha a seu favor uma aparente preferência de artistas do pop. Jay-Z e Beyoncé fizeram shows na campanha da candidata, assim como Jennifer Lopez, que estrelou um show a favor da candidata em Miami

Madonna, por sua vez, foi além. Ela se apresentou também, como seus colegas, mas chegou a oferecer “favores sexuais” a todos aqueles que votassem em Hillary Clinton para a presidência dos Estados Unidos

A campanha para a candidata democrata ainda contou com uma forte atuação do ainda presidente Barack Obama, com sua boa presença midiática. Em participação no programa Jimmy Kimmel Live!, ele rebateu um tuíte escrito por  Trump sobre a sua atuação como presidente. Assista aqui.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.