Michael Jackson está de volta aos Estados Unidos

Depois de mais de um ano de exílio voluntário, o astro pop Michael Jackson voltou para os Estados Unidos, após morar no Bahrain, na França e em um castelo na Irlanda. Segundo confirmou seu porta-voz nesta sexta, ele planeja fazer uma viagem ao Japão. Jackson abandonou seu rancho em Neverland, na Califórnia, após o longo processo que enfrentou por supostamente ter molestado um menino. Ele foi absolvido em junho de 2005.A porta-voz de Jackson Raymone K. Bain e o próprio Jackson falaram à AP por telefone. Raymone confirmou que ele se encontra nos Estados Unidos. Mas, nem o cantor nem ela disseram exatamente em qual lugar ele está, ou se decidiu voltar definitivamente para os Estados Unidos."Posso confirmar que ele está nos Estados Unidos", disse Raymone. "Não informamos sobre o paradeiro de nosso cliente por motivos de segurança".Jackson revelou que seu próximo destino é o Japão, onde terá uma reunião de negócios e participará de um ato em sua homenagem organizado por seus fãs, no início de março."Me encanta o Japão", disse Jackson. "É um dos meus lugares favoritos no mundo". Em uma conversa telefônica curta, Jackson leu uma declaração preparada para a AP e admitiu responder a uma única pergunta: Como se sente?"Eu me sinto bem, obrigado", foi sua resposta.No comunicado disse que escolheu voltar à atividade no Japão, porque os japoneses o apóiam muito. "Meus amigos e admiradores japoneses têm me presenteado sempre com um grande apoio para mim e minha família durante muitos e muitos anos. Me ajudaram a conseguir grandes lucros na indústria musical", assinalou.Broderick Morris, promotor que coordena as atividades deJackson no Japão, revelou que já vendeu 220 das 300 entradas para a festa VIP com a presença do artista no dia 8 de março. O preço é US$ 3,3 mil dólares por pessoa. Cada participante receberá uma foto autografada e poderá ficar com Jackson entre 30 segundos e um minuto, segundo o empresário.Jackson fez sua primeira apresentação oficial após o julgamento também em Tóquio, quando recebeu um prêmio das legendas da música e da MTV japonesa.Em novembro passado ele permitiu que um programa de TV Access Hollywood o filmasse em estúdio, trabalhando em uma música com o produtor will.i.am do the Black Eyed Peas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.