Miami quer sediar Grammy latino

A próxima edição do Grammy latino pode ser em Miami. Isso se o lobby das autoridades locais com a Academia Nacional de Artes e Ciências Fonográficas funcionar. A instituição deve anunciar o local para a realização do próximo evento em duas semanas. O prefeito de Miami, Alex Penelas, chegou a fazer várias viagens para Los Angeles para demonstrar o interesse da cidade. Ele estaria disposto a injetar US$ 1 milhão para cobrir os custos da mudança, já que a realização do evento pode render US$ 35 milhões para a região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.