Mensagens eróticas de Madonna ficam sem comprador em leilão

Rodada colocou à venda objetos dos Beatles, Elvis Presley; Jimi Hendrix e outros artistas famosos do século XX

Efe,

06 de agosto de 2009 | 15h53

As gravações de mensagens eróticas da cantora americana Madonna na secretária eletrônica de um ex-namorado não encontraram comprador em um leilão feito pela internet e concluído nesta quinta-feira. As fitas são dos anos 90, época em que a cantora americana namorava Jim Albright.

 

O leilão "The Rock & Roll Pop Art Auction" foi organizado pela empresa "Gotta Have It!" e incluiu 450 objetos que pertenceram a alguns dos artistas mais influentes do século XX, como The Beatles, Jimi Hendrix e Elvis Presley.

 

Se a gravação não teve comprador, um "vídeo pessoal e íntimo" de Madonna, feito em 1993, também para Albright, foi arrematado pelo preço mínimo de US$ 12 mil (quase R$ 24 mil). Já as 21 cartas de amor enviadas pela cantora a seu então namorado foram levadas por US$ 2,4 mil (cerca de R$ 4,7 mil).

 

Entre os outros itens que ficaram sem comprador está o primeiro contrato assinado por Jimi Hendrix, com preço inicial de US$ 200 mil (quase R$ 400 mil).

 

Por outro lado, o manuscrito da canção "A Hard Rain's a-Gonna Fall", de Bob Dylan, foi arrematado por US$ 51.363 (pouco mais de R$ 100 mil). O papel conta com a mancha de duas lágrimas do cantor.

Tudo o que sabemos sobre:
leilãoMadonnacartasgravações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.