Karen Pulfer Focht/AP
Karen Pulfer Focht/AP

Multidão em Memphis se despede de B. B. King

O corpo do músico será enterrado no sábado, em Indianola

AP

27 de maio de 2015 | 20h53

Uma banda de dixieland tomou a dianteira do cortejo que incluía o carro fúnebre e uma multidão de milhares de pessoas para a despedida da lenda do blues, B. B. King, pela Beale Street, em Memphis. 

A Mighty Souls Brass Band tocou When the Saints Go Marching In. Atrás de seus membros e logo antes do carro fúnebre estava o baterista Rodd Bland, filho do cantor de blues Bobby ‘Blue’ Bland, carregando Lucille, a guitarra de King. A multidão tomou a Beale Street e as ruas de perto. "Isso é história", disse Mary Springfield, de Detroit. "Esta é uma sensação incrível. Este é um legado e estou fazendo parte", completou. Ela foi a Memphis especialmente para o cortejo. 

"É um grande tributo a um maravilhoso colaborador da música mundial. É incrível ver as pessoas celebrando esse maravilhoso e amável homem", disse Gary Daly, morador da cidade. 

Homenagens em música e palavras também foram feitas no parque W.C. Handy Park. 

O cortejo fez uma pausa perto do B. B. King's Blues Club antes de virar na B. B. King Blues Highway. "Estamos tão orgulhosos. Estamos tristes, sim, estamos tristes, mas estamos contentes por ele ter vindo por este caminho", disse Carmen Adair Thomas. 

O corpo de B. B. King está sendo levado para Indianola, no Mississippi, considerada pelo músico como sua cidade natal, para o enterro no sábado. King morreu no dia 14, aos 89 anos.  

Mais conteúdo sobre:
CulturaMúsicaB. B. King

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.