Mel C se diz 'cética' com retorno das Spice Girls

Cantora admite que aceitou participar da turnê de reencontro do grupo 'a duras penas'

ANSA,

23 de outubro de 2007 | 15h34

A cantora Mel C admitiu que aceitou participar "a duras penas" da turnê de reencontro de seu ex-grupo Spice Girls, logo que as outras quatro integrantes aceitaram participar do evento. Mel C, que ficou conhecida como a "Sporty Spice", afirmou que ela custou para decidir se participaria da turnê de shows e disse que apesar de ter dito que sim segue estando "cética" a respeito. "As garotas me contaram e me disseram que tinham planejado voltar a cantar juntas em uma turnê, com o lançamento de um disco de grandes êxitos para dizer adeus e eu lhes disse: 'Oh, não'. Era a última coisa que eu queria escutar", declarou a cantora de 33 anos à revista Closer. "Elas me disseram que se aceitasse seria genial, mas caso contrário, seguiriam adiante, assim pensei: "O que faço?", acrescentou. Durante o período de maior êxito das Spice Girls, Mel C sofreu de anorexia e depressões profundas. A cantora disse temer recaídas. "A depressão e tudo mais esteve em minha mente durante o período de decisão sobre a turnê. Levei muito tempo para decidir já que era algo que não queria voltar a fazer", admitiu a estrela do pop britânico. Mel C, que junto com Geri Halliwell, Mel B, Emma Bunton e Victoria Beckham, voltará aos palcos no próximo mês de dezembro, disse que espera não ter que voltar a cantar com as Spice Girls depois da turnê mundial. "Voltarei, mas como solo, quando os shows das Spice Girls terminarem em fevereiro", concluiu.

Tudo o que sabemos sobre:
Mel CSpice Girlsretornocética

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.