Médicos avaliam lesão na medula de Herbert Vianna

O cantor e compositor Herbert Vianna foi submetido hoje a uma ressonância magnética. O exame irá revelar se o músico ficou ou não paraplégico em razão do acidente de ultraleve ocorrido no dia 4 de fevereiro, em que morreu sua mulher, a jornalista inglesa Lucy Needham. Mais de um mês depois da queda da aeronave, Herbert não apresenta nenhum movimento nas pernas. O resultado da ressonância será divulgado nesta quinta-feira.O exame, que dura cerca de vinte minutos, irá determinar o grau da lesão medular sofrida por Herbert Vianna. Os médicos já sabem que não houve ruptura da medula; mas a ressonância irá mostrar se ocorreu uma lesão interna - que as tomografias realizadas, por serem mais superficiais, não mostraram. Se a ressonância mostrar uma lesão parcial, tratamententos fisioterápicos serão prescritos com o objetivo de recuperar ao máximo os movimentos das pernas do músico. "A partir desse resultado, poderemos traçar um programa de reabilitação", informou o diretor do Hospital Copa D´Or, Alfredo Cardoso. Existe a hipótese de a prótese de titâneo colocada na 12ª vértebra de Herbert Vianna (o cantor fraturou a vértebra no acidente e teve que se submeter a uma cirurgia para fixar a coluna) impedir a visão daquela área da medula. Nesse caso, os médicos terão que esperar por uma reação clínica do músico para fazer um prognóstico sobre as possíveis seqüelas.Independentemente do resultado do exame, os médicos deverão divulgar nesta quinta-feira o dia da alta do músico. A casa de Herbert Vianna já vem sendo equipada para recebê-lo. O vocalista dos Paralamas do Sucesso já tem consciência de que sofreu um acidente e de que se encontra em um hospital. A cada dia, segundo a equipe médica que o atende, Herbert articula com mais coerência, emite frases inteiras e responde a perguntas simples. Segundo os médicos, até agora nada indica que o músico terá seqüelas neurológicas do acidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.