McCartney responderá a perguntas de ex-mulher em divórcio

Heather Mills pede 66 milhões de euros da fortuna do ex-Beatle; casamento de quatro anos terminou em 2006

EFE

05 Fevereiro 2008 | 12h41

O ex-Beatle Paul McCartney será submetido na próxima semana a um interrogatório direto de sua ex-mulher Heather Mills nas instâncias finais de seu longo processo de divórcio, revela nesta terça-feira, 5, o jornal britânico "Daily Mirror".   A própria Mills se representará na Divisão de Família do Tribunal Superior de Londres, após decidir não contratar mais advogados, indica o tablóide.   "Este será o fim de quase dois anos de luta por dinheiro. Não será agradável", disse ao tablóide uma fonte ligada ao casal.   Mills, que pede 50 milhões de libras (66 milhões de euros) da fortuna de McCartney (calculada em 825 milhões de libras, 1,089 bilhão de euros), dirá nos tribunais que seu ex-marido ficava agressivo após consumir álcool.   O tribunal deverá decidir o valor que a ex-modelo receberá como parte do divórcio.   O casamento de quatro anos de ambos terminou em maio de 2006. McCartney, aparentemente, teria lhe oferecido 25 milhões de libras (33 milhões de euros), afirma o "Daily Mirror".   O processo começou depois que as duas partes não chegaram a um acordo de divórcio durante intensas negociações mantidas em outubro passado.Nos últimos meses, os jornais publicaram detalhes do relacionamento difícil do casal.

Mais conteúdo sobre:
Paul McCartney divórcio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.