Arquivo/AE
Arquivo/AE

McCartney assina acordo para vender novo álbum no R.Unido

'Good Evening New York City' foi o álbum gravado ao vivo em julho durante três noites na cidade americana

EFE,

30 de setembro de 2009 | 20h36

O ex-beatle Paul McCartney assinou um acordo com a gravadora Mercury Records para a comercialização no Reino Unido de Good Evening New York City, o álbum gravado ao vivo em julho durante três noites na cidade americana.

 

Segundo um comunicado divulgado em seu site nesta terça-feira, o álbum será vendido em dois formatos, um composto por dois CDs e um DVDs e outro considerado "de luxo", com um DVD a mais com o show que fez também em julho passado em cima da marquise do teatro Ed Sullivan.

 

O disco inclui mais de 30 músicas dos Beatles, do Wings e de sua carreira solo. O show também estará disponível em uma edição especial em vinil.

 

Paul McCartney tocou nos dias 17, 18 e 21 de julho deste ano no New York Citi Field, o estádio de beisebol construído no lugar do antigo Shea Stadium, onde os Beatles conquistaram os EUA nos anos 60.

 

Quase 120 mil pessoas viram os três shows de McCartney, segundo o qual "foram três grandes noites para a banda e para mim, pessoalmente, foi muito bom voltar e inaugurar um novo estádio no lugar do velho Shea Stadium no qual tocamos 44 anos atrás", diz uma declaração em seu site.

 

"Foi ainda mais emocionante, porque desta vez as pessoas puderam nos ouvir", ironizou McCartney, ao lembrar que poucas pessoas puderam ouvir a música dos Beatles em 1965 por causa dos gritos das fãs.

 

McCartney trabalhou durante décadas com a EMI/Parlophone, mas rompeu com a companhia em 2007. Depois disso, o ex-beatle comercializou algumas canções por meio da Hear Music, selo da rede de cafés Starbucks, e da gravadora independente Little Indian.

Tudo o que sabemos sobre:
McCartney

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.