Marília Pêra volta com "Estrela Tropical"

A mudança mais significativa está nos figurinos, majestosos e exuberantes, agora assinados por João Santaella Júnior - o restante, do repertório contemporâneo à inspiração em Carmem Miranda, continua como a marca principal do show Estrela Tropical, que Marília Pêra reestréia nessa sexta-feira, no DirecTV Music Hall. "Como o espetáculo já se desenvolveu bem (a estréia foi no início do ano passado, no Rio de Janeiro), as interpretações adquiriram uma forma e fluência próprias", comenta a atriz, que, no palco, no entanto, assume o papel único de cantora."Quando entro em cena, estou como Marília Pêra e não interpretando algum personagem", conta ela, desfrutando, em cada espetáculo, de uma experiência nova. "O perfil dessa cantora foi crescendo aos poucos; assim, estou descobrindo uma forma de representar que é nova para mim."No show, Marília mostra todas as formas do suingue brasileiro em três partes - a primeira conta a influência do rock, samba e salsa; a segunda apresenta o clima nostálgico dos boleros misturado com o samba-canção; e, no último momento, Marília faz um passeio pela MPB por meio de Carmem Miranda. A variação permitiu a elaboração de um repertório variado, como Não Quero Dinheiro, de Tim Maia; A História de Lily Braum, de Chico Buarque e Edu Lobo; Sábado em Copacabana, de Dorival Caymmi; Não Enche, de Caetano Veloso. Também o latino sertanejo está representado, com Paz na Cama, de Edson Mello e Rhael, e Pense em Mim, de Douglas Maio, José Ribeiro e Mario Soares, conhecida nas vozes de Leandro e Leonardo.A idéia do espetáculo surgiu depois que Marília voltou a estudar canto para a gravação do CD Estrela Tropical, produzido por Roberto Menescal, em que a artista interpreta a maioria das canções que estão no show. "Foi um momento especial em que mudei minha professora de canto e, como consequência, baixei todos os tons líricos da voz", lembra-se. O resultado da alteração pode ser observado durante o espetáculo, pontuado por belos momentos sonoros. "Há canções em que quase não canto, apenas falo as letras."Além de São Paulo e Rio, Estrela Tropical já foi apresentado em outras capitais e também em Portugal, para onde deve voltar a partir de maio, quando vai excursionar pelas cidades de Lisboa e do Porto. Os shows pela Europa vão continuar com apresentações em Londres, na Inglaterra, e Amsterdã, Holanda. Antes, porém, vamos viajar para os Estados Unidos e apresentar uma curta temporada", conta Marília, que será homenageada no Festival de Cinema de Miami, em maio. Em seguida, o espetáculo segue para Las Vegas.Estrela Tropical. Com Marília Pêra. Duração 75 minutos. Sexta e sábado, às 22 horas; e domingo, às 20 horas. De R$ 30,00 a R$ 60,00. DirecTV Music Hall. Avenida dos Jamaris, 213, tel. 3177-3663. Até 11/2. Patrocínio: Volkswagen, El Foco e Embratel

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.